Tomando como ponto de partida um inseguro organizador que busca realizar uma obra “de peso” ao redor da narrativa do alemão Hans Staden — autor do primeiro livro publicado sobre o Brasil, Duas viagens ao Brasil, de 1554, no qual relata os meses em que passou cativo de tupinambás antropófagos —, Oito viagens ao Brasil apresenta e discute o complexo amálgama de indústria, arte e códigos culturais vigentes que deu origem à criação da imagem do Brasil . Além disso, em suas misturas de ficção com História e de linguagem visual com escrita, é uma verdadeira demonstração prática das possiblidades de ocupação do suporte impresso,: dentro da caixa encontramos um livro-objeto completamente rasgado; um volume trazendo uma narrativa visual com colagens sobre fotografias oficiais de presidentes e imperadores do Brasil; personagens fictícios que discutem entre si através dos diversos volumes; textos originais de Hans Staden ilustrados por fotografias contemporâneas (e nada charmosas) de Ubatuba; xilogravuras da primeira edição de Staden emoldurando um texto ficcional contemporâneo e uma história em quadrinhos pra lá de amadora, entre outras coisas.

832 páginas (57 rasgadas)

13 x 18 x 7 cm

WMF Martins Fontes /
Biblioteca Brasiliana Guita
e José Mindlin

2017

caixa contendo 08 volumes

LIVRO 01 Texto ficcional escrito por Arthur Júnior, ilustrado com xilogravuras da edição original (1557) do livro de Hans Staden.

80 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 X 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

baixe

LIVRO 02 Texto majoritariamente não ficcional (apesar de escrito pela personagem fictícia Neide Aveloni) sobre o nascimento da cultura impressa e sua influência na criação da imagem do Brasil .

208 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 X 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

LIVRO 04 Narrativa visual composta por imagens mesclando gravuras de Theodor de Bry a fotos oficiais de presidentes, imperadores e ditadores do Brasil, desde sua independência até os dias de hoje.

64 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 x 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhadas à mão.

LIVRO 07 Gravuras de Theodor de Bry ilustrando o Brasil descrito por Hans Staden, acompanhado de texto ficcional escrito por Arthur Junior.

160 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 x 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

LIVRO 08  Texto e fotos de Marcão.

80 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 x 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

LIVRO 06 Texto original da narrativa de Hans Staden (A Terra e seus Habitantes), ilustrado com fotos contemporâneas da cidade de Ubatuba tiradas pelo personagem fictício Marcão.

160 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 4 x 4 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

LIVRO 05 Livro-objeto, completamente rasgado (o que restou, contém excerto de uma narrativa ficcional escrita por Suhelly Souza Hvroldt).

64 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 1 x 1 cmyk // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão // páginas rasgadas individualmente.

LIVRO 03 Texto original da narrativa de Hans Staden (dos capítulos de 18 a 39), com imagens — gravuras e vinhetas — retirados das Grandes Viagens de Theodor de Bry (1594).

112 páginas // 12,4 x 17,6 cm // 2 x 2 k + pantone // costura com água de cola em lombada aparente; capa numerada, impressa manualmente com matriz de mdf entalhada à mão.

BAIXE O COMEÇO DO LIVRO 04

BAIXE O QUE RESTOU DO LIVRO 05

EXPOSIÇÃO

de 24 de junho a 14 de agosto de 2017 — Museu da Casa Brasileira (SP)

de 04 de agosto a 10 DE SETEMBRO de 2017 — Caixa Cultural BRASÍLIA (DF)

primeiras impressÕES — OS VÍDEOS

CARTAZES

Para o lançamento de Oito viagens ao Brasil, foram produzidos quatro cartazes em serigrafia.

04 modelos // 42 x 29,7 cm // tiragem única de 50 un. de cada // Impresso em serigrafia, três cores sobre impressão digital em papel pólen bold 90 g/m2.

NA MÍDIA

Linguagem
sem limites.

Gustavo Piqueira gosta de ver seus projetos transitarem em diversas categorias. Podem ser livros [...]

Publicado no Correio Braziliense,

em 04 de agosto de 2017.

Oito Viagens pelo Brasil é lançado em São Paulo.

Gustavo Piqueira é um publicitário, escritor, tipógrafo e designer paulistano que não deve dormir [...]

Publicado no jornal A Tribuna.

O homem que desenhava.

Um jogo de jantar com tudo dentro – porta-copos, guardanapos, jogo americano
– pode, sim, ser um livro. Se não quiser ler, ou se não gostar, sempre dá para servir [...]

Publicado na Folha de São Paulo, em 17 de junho de 2017.

Visita guiada à exposição
de Brasília, 27.08.2017

Publicado no canal da ADG, em 28 de agosto de 2017.

Marisa Midori fala sobre “Oito Viagens ao Brasil”.

O livro Oito Viagens ao Brasil,
de Gustavo Piqueira, é a indicação
de leitura da professora Marisa Midori, na coluna “Bibliomania”
desta semana [...]

Publicado no Jornal da USP.

Livro conceitual explora a história
da iconografia brasileira.

Oito Viagens ao Brasil, novo livro do artista Gustavo Piqueira e primeira publicação com o selo da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin [...]

Publicado no Jornal da USP.

8 viagens ao Brasil,
um livro de Gustavo Piqueira

Publicado no canal da Caixote Amarelo, em 25 de junho de 2017.

Oito viagens ao Brasil

LIVRO

EXPOSIÇÃO

CARTAZES

NA MÍDIA

GUSTAVO PIQUEIRA

SOBRE

CONTATO

gustavo@casarex.com
11 3862.7770 / 3803.7010